Meu carro quebrou, e agora?

Ter um automóvel demanda inúmeros cuidados e atenção, já que viver em uma cidade grande ou pegar estrada com frequência pode causar alguns problemas. Não é incomum viver a seguinte situação: Você está guiando quando de repente sente que algo estranho está acontecendo, você diminui a velocidade para conferir, ou simplesmente o carro para. E agora? O carro quebrou. Como proceder em ocorrências desse tipo? Descubra abaixo.

Meu carro quebrou – o que devo fazer?

O primeiro passo é manter a calma, já que entrar em pânico pode mais atrapalhar do que ajudar. No primeiro sinal estranho, o ideal é respirar fundo e parar o carro imediatamente para que o problema não fique ainda maior, mas para isso é importante observar exatamente onde você está e procurar estacionar no lugar mais seguro possível, para não atrapalhar o trânsito e muito menos se colocar em risco.

Nesse momento é fundamental que se tome muito cuidado para que o problema do carro quebrado não evolua para algum acidente.

NÃO tente consertar seu carro sozinho, além de ser muito perigoso caso você não tenha o conhecimento necessário para tal, essa ação pode render multas.

Então o que você deve fazer quando perceber que o carro quebrou? Primeiro você deve sinalizar a área para informar a todos que naquele local há um carro quebrado, verificar onde você está e por fim, comunicar as autoridades ou solicitar um guincho, para que estes possam realizar os devidos procedimentos.

Sinalize o local. Você deve ligar o seu pisca-alerta e colocar o triangulo sinalizador na distância adequada para a via. Calcular essa distância é muito simples: basta pegar o limite de velocidade do local e converter em passos, por exemplo: se a velocidade máxima for de 80km/h, dê 80 passos. Em locais escuros, se possível, caminhe sempre com uma lanterna para que as pessoas possam visualizar que você está na via.

Já para verificar exatamente a sua localização, para que o resgate chegue ao local correto para te auxiliar, o ideal é fazer com que a tecnologia trabalhe a seu favor. No Google Maps e também no Waze você consegue calcular com precisão onde você está e onde o carro quebrou. Caso você não tenha como consultar essa informação em seu smartphone, verifique as placas nas proximidades.

Sabendo exatamente sua localização e com tudo sinalizado, é hora de pedir por socorro. Se você possui um seguro que te oferece o serviço de guincho, basta solicitá-lo, caso você não possua, existem aplicativos que podem te ajudar com esse serviço, você também pode comunicar as autoridades locais para que estes possam te orientar da maneira mais adequada possível.

Para evitar ao máximo que esse tipo dessa situação aconteça, é fundamental que você realize uma manutenção preventiva regularmente e fique sempre atento aos sinais de que seu veículo precisa de uma visita extra ao mecânico, para que você possa sempre guiar com segurança.

Mas se seu carro quebrou e com isso você chegou à conclusão que é a hora de trocar o seu veículo, consulte o nosso estoque e nossos serviços de seguro e manutenção. Será um prazer receber você em uma de nossas lojas.

Fique de olho no nosso blog, buscamos trazer sempre informações e dicas uteis para você.

Compartilhe já!
As Placas Mercosul já estão em vigor em São Paulo
POST ANTERIOR
Projetada para dar o máximo de controle ao motorista, a direção elétrica é um dos sistemas de direção mais modernos encontrados no mercado automobilístico.
O que fazer se se a direção elétrica do seu carro estiver pesada
PRÓXIMO POST